Ano novo com novas soluções para conflitos

O Ano Novo representa o recomeço, acompanhado pela criação de altas expectativas para o período que vem à frente.  2022 vem sendo protagonizado pela expectativa de retomada geral das atividades, uma vez que muitas empresas visam recuperar resultados positivos o mais rápido possível e, para isso, novas soluções estão sendo buscadas.

Soluções inovadoras surgem no mercado dos negócios para facilitar o processo produtivo de cada setor da economia e torná-lo mais eficiente.

Assim, a Mediação mostra-se como um método de solução de conflitos inovador e a ser mais conhecido pelas empresas, pois se apresenta como uma ferramenta muito mais assertiva para equacionar o endividamento empresarial e evitar a situação de crise financeira, quando comparada ao Judiciário.

Por se tratar de um processo que, inicialmente, só conta com a decisão das próprias partes envolvidas, torna-se mais rápido e menos desgastante, além de contar com a presença de um profissional neutro, cujo papel fundamental será o de facilitar o diálogo para que as partes exponham os principais pontos de interesse criando condições necessárias para que cheguem a um acordo.

A Lei de Recuperação Empresarial e Falência (lei 11.101/05), após a modificação dada pela lei 14.112/20, pressupõe o incentivo da Mediação, Conciliação e outros métodos alternativos pelos administradores judiciais para resolução de conflitos ligados à recuperação empresarial presente no Art.20 alínea j). A inclusão da nova Seção na lei composta pelo Artigo 20 a) b) c) d) favoreceu de forma significativa o processo de desjudicialização.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *